Estudo nunca é demais. E identifiquei que há ganho operacional nesse

Mais um curso de opções? Sim!

Bom dia meus nobres leitores que um dia aparecerão, tudo bem com vcs? Curitiba gelada, Ansiedade deu um gás aqui com meu Venvanse e minhas duas xícaras de café, mas vamos seguindo a vida. Estou tentando acordar cedo todo dia, principalmente porque eu comprei mais um curso de opções, pra refinar meu conhecimento e principalmente ter ajuda.

Aparentemente estou conseguindo manter uma rotina de acordar cedo, principalmente no início da semana. Nos dias que tenho que levar a filha não tenho muita escolha, já que ela tem que estar 7 da manhã no Colégio. Ontem 05:40 estava de pé. Hoje 06:30 despertou e levantei as 7. Nada mal.

Então, esse curso surgiu até de forma estranha, já que eu não tinha afinidade com o pessoal da Everhedge no começo. Mas comecei a assistir os vídeos com mais frequência e vi que eles tem uma disponibilidade e umas informações que são bem interessantes.

Só que esse paguei à vista lá. Não quero mais ficar arrastando correntes por muito tempo.

O que me chamou a atenção nesse curso é a disponibilidade dos caras, também. Eles respondem todas as perguntas estão sempre à disposição. E acho que posso ter mais segurança com os ensinamentos práticos dos caras.

Ah, Cara, vc não confia no que já aprendeu? Essa pergunta não se aplica. Por óbvio que eu confio, mas depois do mês passado eu vi que é bom manter o pé no chão e a ganância sob controle. E me faltou auxílio, conhecimento, manejo, pra ter podido ganhar um dinheirinho bom nas operações.

Deixei muito dinheiro na mesa por causa de ganância e com o pouco que eu vi do curso dos caras já dá pra ver que eles tem resposta pra esse tipo de questionamento sem que vc precise falar com eles. E fiz uma pergunta específica no grupo agora de uma operação que estou pensando em iniciar e eles já se propuseram a responder com detalhes.

Gostei.

Mas o que me fez tomar a decisão de fato foi ver que meus strangles OTM são defendidos por eles e, inclusive, eles ensinam manejos importantes em caso de desespero, o que pra mim é ótimo.

Claro que eles falam em fazer essa operação á seco, em PETR4 e VALE3 e não é o meu caso. Mas pelo menos saber que alguma coisa pode ser feita já me dá alguma tranquilidade.

E falta de tranquilidade nesse mercado só dá merda.

EU ENTENDI MAL O CONCEITO DA SAL MESTRE DOS DERIVATIVOS?

Eu entendi que não tenho muito como participar na sala do mestre, mas será?

Olha, eu posso estar errado, mas eu estou também começando a achar que a sala mestre dos derivativos pode ser um lugar de ajuda também, ainda que eu ache que o Everhedge forneça as informações pessoais, ainda posso me beneficiar da sala ou pelo menos do telegram.

Talvez eu tenha um problema de interação com as pessoas. A ideia de querer fazer tudo sozinho ou até mesmo não saber como fazer a pergunta correta pode ser um problema meu, não do curso em si. Acabei de ver uma mensagem no grupo que fala exatamente sobre isso.

Minha sensação geral do curso é muito difusa. Em parte eu agradeço demais porque o que eu sei hoje de opções, em sua grande parte, se dá por causa do mestre.

Ele é uma pessoa sequelada, difícil, me decepcionei muito com ele no último vídeo falando da THL, algo que ele defendeu tanto e agora está dando aquele balde de água fria. Pelo menos está sendo sincero, o que não é muito fácil nesse mundo de investimentos.

Mas eu preciso ser capaz de analisar com menos resistência o curso. Lidar de forma mais tranquila com os arroubos do mestre. Me estressa demais quando ele dá os pitis nas aulas.

Mas o que isso tem a ver comigo?

Sei lá, mas eu sou assim. Esse tipo de piti me deixa puto demais.

Eu acho que talvez o problema seja a minha percepção, mais do que o curso em si.

Mas vamos que vamos. Me propus a fazer um texto curto porque tenho que estudar a nova estratégia que os caras passam.

Ela ainda não faz sentido pra mim. Vc compra a ação, faz seguro e faz venda coberta. Se o problema é o manejo da venda coberta quando cai, se o problema é se o ativo cair muito no futuro e por isso vc faz o seguro, isso só é um problema quando vc quer vender o ativo.

Mas posso estar falando bobagem.

Vamos que vamos. Vou colocando aqui as coisas pra vcs.

Valeu!

O Bastter system organiza sua vida financeira

Organizando a vida financeira

Boa noite, meus nobres leitores que não sei se existem, mas que são muito bem vindos. Tudo bem com vcs? Espero que sim. Eu tinha vários assuntos pra tratar com vcs hoje, mas escolhi falar de como foi o meu dia.

Eu sou assinante da Bastter.com como todos vcs sabem e sigo os ensinamentos do mestre e líder espiritual Maurício Hissa. Brincadeiras à parte, muito do que eu aprendi na vida financeira foi com o site e, inclusive, todos os problemas que eu tenho hoje com investimento em opções vem dessa época.

Com o tempo eu falo com vcs quais são esses problemas.

Além de ter um conteúdo de alto valor agregado, valendo cada centavo do investimento, o site conta com a ferramenta Bastter System que é sensacional para vc ter uma visão geral dos seus investimentos mas, também, para que vc possa fazer seu imposto de renda.

E eu estava meio reticente de atualizá-la. Eu até poderia dizer que estava com preguiça, mas não seria completamente verdade. Eu fico meio desconfortável em entrar lá e ver que estou “falhando” com a minha filosofia pessoal de investimento.

Mas, enfim, eu estou construindo uma forma de fazer funcionar um híbrido dos dois esquemas. Ainda me bagunça muito a cabeça lidar com ambos, mas acho que há formas de encaixar os dois, ainda que algumas pontas fiquem de fora.

Com o tempo, eu vou limando e encaixando dentro de uma estratégia única, em que vc usa o melhor dos mundos para fazer seu capital crescer de maneira calma e ordenada.

O que eu tenho feito de “errado”, então, que me faz sentir meio envergonhado ao entrar no Bastter System?

Como mudar regras bagunça sua cabeça

Se a regra não te ajuda, mude a regra

Durante muito tempo eu apenas segui a filosofia Bastter e que, sem sombra de dúvida é ótima para iniciantes. Ela faz com que sua vida fique muito mais simples, libere tempo da sua vida pra coisas que importam, não te deixa ficar na frente de um computador por muito tempo, entre tantas outras vantagens.

Em 2016 meu irmão fez um curso com um membro do site muito respeitado e, adivinhem, o curso era de OPÇÕES! Como assim se o Bastter não segue mais esse caminho? Que ele não é mais aceito como um caminho bom dentro dos preceitos do site? Se ele atrapalha seu caminho em direção a um lugar melhor nos investimentos?

Pois é. Na época eu era extremamente iniciante e peguei uma dica ou outra com meu irmão e segui exatamente o que ele me falou. E não foi uma orientação ruim. Tirei bons louros desse tempo. Mas não sabia absolutamente nada desse mercado.

Mas, assim como meu irmão, eu parei de gastar dinheiro comprando ativos e passei a apenas guardar dinheiro na renda fixa para poder fazer venda de PUT. Nem venda coberta eu fazia, porque não sabia o princípio e como um HOLDER raiz, eu não vendo, só compro.

Ainda guardava a filosofia como adequada, pois os pilares eu seguia e, na época, até seguia os quadros dentro da própria Bastter.com que ajudava a controlar as operações.

Enfim, isso mudou. Passou-se a demonizar as opções dentro do site e não ter esse apoio.

Não me abalei, mas passei a operar menos, já que eu não sabia como obter essas informações. Além disso, por causa de uma coisa que irei falar aqui muito ao longo do tempo que postar, eu estava sem capital para fazer operações.

Quem faz operações com opções sabe que era possível não parar nunca com as operações, podendo fazer Vendas Cobertas bem seguras, longe do dinheiro, mas essa é outra história.

Decidi, então, apostar em FII, algo que em 2019 estava começando a surgir como uma opção boa de investimento, mais segura que ações, que te paga dividendos mensais, enfim, um investimento em imóveis com vantagens.

E lá fui eu estudar muito e não me arrependo. Mas lembra da filosofia? Pois é. Também.

Quando em 2020 vem o Corona Vírus, causa essa zona toda que até hoje não andou direito ainda, eu comecei a valorizar mais a reserva de emergência, que eu consegui equalizar muito bem, mas eu achava pouco e queria aportar.

Comprei alguns ativos, vendi outros (opa, comecei a sair da filosofia), mas estava completamente por fora de como estava funcionando o mundo.

Até que decidi (não sei por qual motivo, mas…) voltar a estudar opções e, com isso, aprendi. Finalmente eu tinha ferramentas pra fazer um movimento mais agressivo nesse campo, conhecendo melhor os problemas, as vantagens, as merdas.

Comecei a operar, fiz várias merdas de iniciantes, e estou onde estou hoje, muito melhor, com mais conhecimento e, acho, fazendo valer o trabalho de estudo e financeiro que investi.

Mas, ao operar com opções, vc quebra MUITO a filosofia Bastter, ainda mais com investimentos mensais. Vc tem que definir muitas coisas que são da análise técnica, coisa de trader.

E aí vem na minha cabeça que isso é coisa de sardinha e blá blá blá.

Porra, mas se eu estou operando em um mercado que isso é importante, talvez seja a hora de aceitar que, para quando eu operar nesse mercado, eu preciso ser capaz de definir esses parâmetros.

E isso me traz uma confusão mental muito grande, já que bate de encontro com a ideia de só olho uma vez a cada 3 meses e vejo se está bom e vou viver a vida.

E é MUITO mais divertido ficar fazendo o que estou fazendo, ainda mais estando dentro de casa, ainda de quarentena (ainda que mais flexibilizada).

Mas também não aceitar esses parâmetros faz vc se foder como me fodi esse mês por causa da porra da UAGANÂNCIA!!!!!

Eu preciso criar regras que seja adequadas para cada momento de investimento, que possa flexibilizar a ideia de que vc é sardinha se faz algo diferente do que os caras fazem e dizem.

Não é uma questão de provar nada pra ninguém, é simplesmente vc respeitar a ideia do outro e faer seu jogo, sabendo que a responsabilidade é sua se vc se foder.

Mas isso mexeu muito com a minha cabeça e estou começando a ver isso de uma forma mais reflexiva, mais adequada, sem ficar encucado demais.

Avalie sempre se sua cabeça está organizada, evitando dogmas que se chocam e que se vc não superá-los vai tomar decisões erradas.

Então, uma das formas de organizar a vida é saber como ela está e foi aí que comecei a organizar minha vida financeira hoje e comecei a refletir sobre vários assuntos que acho que são bastante relevantes e que me fizeram querer escrever esse post, até porque vão me ajudar a organizar minha vida futuramente.

Como a organização pode te ajudar

Um olhar sobre as coisas pode fazer muita diferença

É uma coisa difícil para um TDAH organizar sua própria vida, sem que ele esteja medicado ou tenha criado, por meio de ajuda terapêutica, um sistema próprio de condução de sua vida. E eu tenho os dois, ainda que nem sempre eu esteja com meu medicamento em dia.

Há teorias que dizem que o Caos não é tão caos assim, mas não se trata disso agora. E, claro, o texto vai acabar tendo uma nuance de aproveitamento de tempo e eficiência, já que estou lendo o Princípio 80×20 de Richard Koch, gentilmente cedido pelo le livros, e ele já me fez tentar achar os princípios que organizam essa questão.

Mas não quero estender demais o texto. Ainda que ninguém vá lê-lo a contento e eu não me preocupe com a opinião das pessoas, sempre haverá espaço para falar sobre isso em outro momento. Mas é de suma importância também para os investimentos.

Eu não sabia o quanto de FII eu tinha, se tinha entrado em todas as subscrições, se estava recebendo os dividendos, quanto estava recebendo e essa organização da vida me fez ver o quanto já estou ganhando com esses ativos.

Também me fez ver que, mesmo eu tendo vendido uma parte significativa dos FII quando me desfiz de FAED11 (Maluco, a melhor coisa que eu fiz), com o preço nos mesmos moldes que no começo da pandemia e ainda ter tido lucro com a utilização da grana para venda de PUT.

Também me fez rever as quantidades de ações que eu tenho em cada ativo, o quanto desbalanceado estão as quantidades de cada uma, quanto está o meu preço médio em várias delas, além de várias outras coisas.

Também me fez ver que a CLEAR amada fez uma merda na minha subscrição de RECR11 e que ainda não vi o valor disso.

Também pude ver o quanto eu tenho pra trabalhar em termos de renda fixa, podendo alocar meus recursos em vendas de PUT tranquilo dentro daquele cenário que eu estou estabelecendo.

Também vi que até o momento a quantidade de dividendos que foram distribuídos em quase todos os meus ativos somam um valor de quase 1K por mês, valor perseguido por muita gente.

Também organizei a minha planilha de quantidades totais de ações e vi que ainda tenho muito poucas, sem alavancagem excessiva e só de empresas confiáveis.

Também me fez ver que a minha posição em FII está muito desbalanceada, o que justifica que eu possa ficar fazendo vendas de PUT enquanto eu faço esse equilíbrio, não sendo um problema se eu for exercido e tiver que adquirir aquelas ações em decorrência da sua queda.

Também me fez ver a quantidade de dinheiro que eu tenho parada na corretora, deixando esses félas ganharem dinheiro com um dinheiro que está simplesmente parado sem utilização adequada nenhuma. E eu sei que eles ganham dinheiro, já que eu já tinha visto isso em algum lugar, mas depois do vídeo do sardinha eu tive certeza. Pra quem quiser saber como vc é roubado pelas corretoras, dá uma olhadinha nesse vídeo aqui.

Ou seja, uma boa decisão é poder usar essa grana para justamente ganhar mais, de alguma forma, seja colocando na renda fixa e colocando de garantia para operar ou comprando ativos e os usando de uma forma produtiva.

De qualquer forma, esse dinheiro tem a função de me dar suporte nas operações com PUT, que precisam de lastro e se eu for exercido de alguma forma, eu preciso honrar o compromisso.

Também me organizou a ver que um valor de 30k na poupança faz vc ganhar R$ 59,00. Ainda que obviamente isso não seja realmente um problema pra mim, já que a ideia é realmente ter liquidez para usar a sua reserva de emergência quando for necessária, mas é brutal perceber o quanto isso te faz ficar na mão do governo, dando dinheiro para esses caras de pau.

Também me fez pensar se eu deveria completar o lote das ações que eu tenho pra poder fazer a venda de Strangle como dividendo sintético dobrado. Eu ainda resisto a isso, mas não deixa de fazer sentido. Por exemplo, MDIA3 eu tenho 123 ações. Se eu completasse a quantidade eu poderia fazer uma venda coberta de 200, ganhando a fortuna de 0,48%. É pouco, mas lembra que ela ia ficar parada, não rendendo nada e que a poupança rende, hoje, 0,24? É o dobro que diz?

Também me fez ver que algumas operações que fiz pra agosto, apesar de estarem bastante longe, já estão derretendo, podendo gerar um ganho significativo muito antes do esperado.

Também me fez pensar sobre os investimentos que eu posso fazer, quais os riscos, como ajustar a filosofia de aquisição de ativos do Bastter com o uso de opções pra remunerar a carteira.

QUAL A CONCLUSÃO DE TANTA PERCEPÇÃO, AFINAL?

A maior conclusão é que estou seguindo pelo caminho certo, ainda que nem sempre eu acredite nisso. Mas ao organizar sua vida as evidências se apresentam fortemente e contra fatos…

Posso dizer que chego agora, nessa hora, um pouco mais tranquilo. Não há realmente como as coisas serem perfeitamente encaixadas nesse mundo. Eu terei que transitar no meio dos dois mundos, aceitar o que precisa que seja aceito e fazer as melhores escolhas.

Nem sempre as melhores escolhas são intuitivas. A bem da verdade elas não são intuitivas. Mas a matemática do juro composto é implacável, pro bem ou pro mal.

Também me fez ver que a minha estratégia, ao longo dos anos, foi muito acertada. Conservadora em uma medida bem interessante, recheada de algum risco controlada e que, ultimamente, mesmo com o risco aumentado, está sendo feita de forma corretamente “conservadora.

Enfim, satisfeito com o resultado da organização. Não sei se hoje ou amanhã, mas irei fazer o pagamento de DARF que tenho que fazer (mesmo que ache que tem coisa errada) e ver quais são os lucros reais que eu venho tendo com as minhas operações.

Eu não vou começar nenhuma operação de THL nova no momento. Vou fazer as operações mais conservadoras por enquanto. Posso até mudar de ideia com as THL mais curtas, que vi que podem me ajudar com a compra de CALL mais longa, esperando uma subida grande das ações.

Mas a porra da CALL tá muito cara, com volatilidade alta pra cacete, quase não dá oportunidade. Mas essas mais curtas talvez valha a pena. E, se as ações explodirem, estar com uma CALL comprada enquanto vc vai fazendo venda coberta pode ser uma boa saída.

Acho que já escrevi demais, ainda que cada um dos assuntos possa gerar um texto inteiro. Poderia colocar mais assuntos e organizar mais meu texto, mas acho que já atendi ao meu objetivo.

Organizar te faz ter uma visão melhor para tomar melhores escolhas.

Valeu!!!

Saber usar os recursos que tem é suficiente para melhorar?

Definir o que fazer vai te deixar mais seguro

Love comes, love goes!! Kiss me clean é uma baita música do Dj Satin Jackets, que gosto muito. Ela me acalma e é super animada. E é importante ficar super animado quando as coisas não vão bem do jeito que vc quer. Mas é melhor ainda quando vc tem que admitir algo que não queria, mas pra sua saúde financeira precisa fazê-lo.

Eu tenho conta em várias corretoras e faço operações em várias delas. E tendo a ganhar, na maioria das vezes, ainda que seja uma mixaria. Quando é que eu perco? Quando eu faço algum tipo de merda operacional que faz com que o lucro vá embora. E, até o momento, é o que está acontecendo em uma das minhas THL de VVAR3.

O que acontece é que na Easynvest vc não tem um robô que te ajude a fazer as operações, que faça as duas pontas pra vc. E eu insisto em tentar ganhar um troquinho a mais todo mês, colocando valores fora do que está na agulha pra isso.

E, claro, posso ganhar. Tive uma THL de COGN3 que ganhei mais esse mês que todos os outros reunidos. Porém, ao mesmo tempo, por causa do mesmo procedimento, estou levando um fumo em VVAR3.

E uma das definições de erros que eu preciso aceitar que não serão do jeito que eu quero diz respeito justamente a esse procedimento. Eu posso até arriscar ganhar mais, mas se vc não ganhar e a caralha subir vai dar merda.

Simples assim.

Eu ganhei muito em COGN3 por causa disso. Poderia ganhar também em VVAR3. Mas, Por motivos de mercado, não deu muito certo. E o que era pra ser ganhar 0,30 vai ser, por enquanto, perder 0,03. E já esteve pior.

Pode até ser que o mercado faça uma reviravolta e eu ainda ganhe uma coisinha. Mas a gente corre esse risco quando arrisca nessa medida.

E essa é uma das soluções para os problemas que eu tenho enfrentado: no final das contas, bote o negócio na pedra.

E, cara, o negócio de ficar sem book pra operar, essa merda em PETR4 e VVAR3 não existe. Dá pra esperar um pouco.

Claro que ir acompanhando o mercado faz as coisas ficarem mais justas. Mas eu continuo cometendo o erro de querer levar a parada até raspar o tacho. Isso vai dar merda.

E eu ainda posso dar uma compensada, por mérito meu.

Eu tenho THL de PUT que, se a porra da VVAR subir, também vão me ajudar. Então estou esperando essa porra definir pra onde vai pra fazer as operações. Se eu vou me foder vendendo essa bosta e perdendo, eu vou ganhar na PUT.

Isso é crédito meu.

Mas preciso ser capaz de fazer essas coisas sem precisar acionar esse recurso.

E, a cada novo problema, eu vejo que definir quanto um problema vale, vai te dar muita tranquilidade operacional.

Claro que eu tenho mais uma solução a aplicar, mas ainda não estou com ela bem formatada na mente. E eu vou esperar essa bosta andar até o final pra ver o resultado. Já que eu estou me fodendo, vou ficar olhando.

Como diz meu irmão, empurrar com os olhos. rsrsrsrsrs.

E hoje eu preciso analisar novas operações a serem feitas. O foda é que, com esse mercado muito louco, fica foda escolher uma que não te foda.

ANALISANDO OPERAÇÕES REALIZADAS E PLANEJANDO NOVAS

Quantas operações são suficientes?

Vc quase tem que ser um Sherlock Holmes mesmo pra essas merdas dessas operações darem certo. E eu acabei de ter uma epifania agora: vc não pode fazer as operações separadas se elas são complementares!

Se elas caírem elas vão te beneficiar de um lado. Se elas subirem, vão te beneficiar de outro. Se vc faz essa caralha separada vc vai se foder em algum momento. Por que?

Pensa, se a porra cai e vc se apavora e faz uma das operações, a outra perna fica fudida. Vc não tem margem de manobra para o caso a operação ir contra vc.

Quando vc faz uma operação complementar separada da outra vc pode perder nas duas pontas. Quando vc faz juntas, pelo menos uma vc vai ganhar e essa pode ser suficiente pra vc recuperar o prejuízo de uma com o lucro desta.

Essa merda é simples, mas muitas vezes não temos essa presença de espírito pra analisar o que está acontecendo.

Eu ainda sou amador nessa análise, mas sei que vou acabar acertando em algum momento quais são as melhores escolhas com a informação que vc tem no momento.

Saber e acertar tudo não é o meu objetivo, até porque não é possível. Eu não tenho bola de cristal. Mas é possível vc trabalhar com o que vc tem e fazer o melhor possível com isso, tomando decisões de investimento que são, minimamente, lucrativas.

E sem se colocar em risco desnecessário.

O mercado vai ficar nessa putaria até sexta-feira e depois provavelmente vai tomar uma direção. Independentemente da direção que ele tomar, eu quero fazer uma escolha de investimento que seja adequada pra mim.

Significa que não vou errar?

Longe disso. Mas significa que vou fazer algo que esteja ao meu controle. Nas THL a gente fica meio refém. Nos Strangles a gente meio que sabe o que fazer.

Ou não. Rs. Quem é que sabe o que fazer quando dá merda na sua operação? Pelo menos vc precisa ter pensado nas consequências do erro e seguir em frente.

Depois coloco mais das minhas aventuras pra vcs.

Valeu!!!

Errar e não aprender onde errou é uma máquina de dar merda

Lições aprendidas mês julho

Bom dia, meus nobres amigos do mercado financeiro ou que se interessam por ele. Tudo bem com vcs. Esse foi mais um mês de aprendizados mil. E eu preciso realmente desse aprendizado, sob pena de não conseguir acertar as coisas quando elas acontecerem.

Eu posso dizer que na ânsia de acertar, vc acaba fazendo merda. Na semana passada eu consegui vender minha THL descascando ela um pouco, a mais de 0,50 e hoje já abriu com 0,36. Já que já to fudido mesmo, vou ver se essa merda sobe. Não vou rolar nada até a quinta-feira.

Normalmente é o que se faz mesmo. Então, nada de precipitação.

Mas estou incorrendo em um problema de esperança matemática que foi o que me trouxe até aqui. Será que estarei cometendo o mesmo erro?

Estou cometendo o erro de não administrar bem a teoria da binarização como deve ser feita. E esse é o problema. Além disso, não estou fazendo as operações de forma complementar.

Claro que se vc está ganhando de um lado, vc pode fazer o fechamento das suas operações. É até aceitável que o faça. Mas não dá pra perder nas duas pontas.

Eu, de certa forma, me precipitei com minhas call fazendo a rolagem antecipada, subindo strike e ganhando alguma coisinha. Mas, se tivesse esperado até hoje e feito, estaria em uma situação bem mais confortável. Estaria me fodendo nas puts, mas nas CALL estaria tendo um lucro de 50%, compensando as coisas.

Existe uma chance de melhora? Sim, se a política não foder o barraco das opções como tem feito ultimamente.

Enfim, são reflexões. Preciso ser capaz de analisar se estou fazendo a coisa da maneira certa ou não é isso é difícil. Se vc pensar em resultado, não é tanto, ganhou ou não ganhou, mas em termos de processo, é preciso olhar com carinho.

Enfim, vamos que vamos. Dia bonito, semana bonita, tudo sob controle.

COMO ANALISAR UMA OPERAÇÃO COM O MÍNIMO DE EMOÇÃO POSSÍVEL

Desenvolver o bom senso sob pressão é preciso
Sei não se é possível sob pressão

Bom, essa afirmação deveria vir com um ponto de interrogação no final dela. Se tem algo que é difícil é vc se sentir bem tranquilo ao analisar uma ação sob pressão de queda, de alta, ou de qualquer mudança contrária ao lado que vc precisa.

E eu estou agora exatamente com essa sensação aqui nas minhas opções. Como eu tenho muitas operações com direcionais contrários, a torcida é contra e a favor ao mesmo tempo. Mas vc precisa atentar para as operações para não cometer os mesmos erros que cometeu quando as montou (se é que cometeu erros).

Eu tenho sofrido um pouco com minhas THL por causa da super alta de PETR4 e das outras que uso, mas, ao mesmo tempo, poderia ter ganho por causa disso. Mas ela sob em intervalos e cai em intervalos. Agora, nesse exato momento, eu poderia ter ganho bem mais do que ganhei com minhas THL de CALL.

Ou seja, eu não ganhei o que queria com a PUT e não ganhei o que queria com a CALL. Como vc perde nas duas pontas?

Esse é o sentimento que tira sua paz. Elimine-o senão vc vai ficar louco e puto e vai acabar fazendo merda.

E como vc faz isso? Admitindo um ganho limitado e ficando satisfeito se ele acontecer. É a chamada margem de lucro. No meu caso, tendo comprado uma THL a 0,06, se eu não fosse olho grande, quando ela estava 0,70 eu poderia ter feito a rolagem feliz da vida. Mas achei que poderia ganhar mais.

O que houve? Caiu pra abaixo de 0,50. Que merda, né?

NÃO!

Não é merda. É mercado. E vamos pensar com um mínimo de tranquilidade.

Essa operação em especial eu estou com minha UT em 0,06. Se eu tivesse só ela, uma rolagem de 0,50 significaria 8x mais. Isso é ruim? Só pra minha cabeça mesmo.

Minha outra THL está em 0,75. Isso está ruim? Claro que não. Mas eu queria mesmo que ela virasse pó e está tão perto… mas acho que não vai.

Ou seja, não é tão ruim assim se eu fizesse a rolagem hoje. E aí entra a questão do mês que vem. Se essa merda vier abaixo, aí sim vai ficar ruim, pois a diferença vai ficar grande. O que fazer, nesse caso?

Aqui seria o caso de diminuir o lucro, comprar essa e baixar o strike.

E aí, josé, se ela cair mais 10% ? Se o Brasil ganhar a copa?

Perguntas que não tem como saber, só se pode especular. Por isso é importante pensar em agir baseado em premissas independente de se vai cair ou não.

Eu não sei se PETR4 vai subir ou se vai cair. Não tem como saber. Mas é preciso fazer alguma coisa independentemente da movimentação dela.

Há uma certa diferença entre o que eu tenho de CALL e PUT. As CALL costumam ser muito mais caras, o que acaba te impulsionando a fazer negociação com as PUT. E, claro, isso não é necessariamente ruim ou bom, mas nessa hora…

Hoje o pensamento está um pouco mais complicado, mas é o funcionamento das coisas. Amanhã vou estar melhor.

Esse pensamento, por si só, já é muito bom.

VAMOS TOMANDO AS MELHORES DECISÕES PARA O MOMENTO

As melhores decisões agora podem não ser as melhores amanhã. É a vida. Pode subir, pode cair, pode tudo. mas vc querer fazer uma escolha baseada em futurismo não dá. Pra hoje, qual é a melhor decisão? Essa deve ser a forma correta de agir.

E acertar, de qualquer forma, é uma questão de cálculo. qual a probabilidade dessa coisa acontecer? Eu estou dividido porque eu estou realmente achando que vai vir abaixo a PETR4. Mas como vamos saber o que vai acontecer até Agosto?

Impossível!

Que seja a melhor escolha possível.

Valeu!!!

Uma foto que representa exatamente meu maior problema

Morri de rir

Cara, essa foto do início representa exatamente o meu maior problema dentro do meu investimento / especulação em opções. Puta que pariu, exatamente esse o meu sentimento.

Tanto que eu escrevi aqui no meu quadro algo que eu não costumo pensar, mas que já que eu estou nessa de especulação agora, tentando ver se vale a pena e até o momento parece que sim, eu preciso seguir.

Eu preciso pensar em porra de alvo de lucro. Cara, isso é coisa de trader, como eu sempre pensei, mas acho que se eu estou trabalhando com esse tipo de coisa, eu vou precisar aceitar que eu não estou acima da forma como as coisas funcionam.

Essa merda dessa esperança de que as coisas vão melhorar é uma merda. E eu passei por isso em maio e um pouco em junho. Não quero passar por isso agora.

Ah, cara, mas PETR4 segunda vai bombar, as ADR´s na sexta lá fora deram saltos maravilhosos, tudo vai ficar lindo de novo.

Se essa caralha cair eu to fudido.

Eu acabei de ver um vídeo que também fala sobre isso e é MUITO engraçado. Quase caguei de rir. Mesma coisa.

Parece que quando vc bate o botão a porra do mercado te empurra pro lado contrário. Hilário. Mas a sensação é essa mesma.

Mas, no meu caso, estou com lucro. Vale a pena tomar no meio do rabo pra ganhar mais tendo o lucro que eu estou tendo? Eu paguei 0,06 na porra da UT e a rolagem está 0,50, não está bom esse caralho?

Porra de ganância.

E a foto aí em cima fala exatamente disso. kkkkk.

Cara, além disso, mesmo eu seguindo o Bastter e ele sendo, hoje, contrário às opções, tem o vídeo dele explicando venda coberta para o pessoal da corretora Ativa, que nem sei mais se existe, sobre a importância do alvo, do STOP, que ele tinha até um sisteminha que ajudava a tomar a decisão.

Aliás, o sistema tomava a decisão por ele.

Bom demais, né? Mas ele descontinuou, porque entendeu que opções não dava mas o lucro de antes e não tinha mais a segurança de antes.

Para um cara com a experiência dele falar isso é porque faz sentido.

Mas eu quero pagar pra ver.

Sou o mais conservador dos malucos que apostam em opções.

Depois eu falo mais sobre isso, posto de novo o vídeo do maluco do day trade e o vídeo da venda coberta do Bastter.

Então, pra encerrar, vc pode até esperar, mas olha se vc está ganancioso demais. Seje mais humilde (escrevi errado de sacanagem, porra).

Valeu!

Deu ruim. Como aproveitar essa queda

Terça-feira Fire na bolsa

Bom dia, meus amigos. Que porra foi essa na bolsa ontem? Caraca, eu queria que desse uma caidinha, mas vir abaixo também é foda. E, claro, as coisas no Brasil nunca estão tranquilas. Porra de país cheio de merda, de político sujo, de merda no ventilador. Cansa essa bosta.

Eu aprendi a me tornar uma pessoa afastada disso. Não quero ficar sabendo das merdas que acontecem. Mas não posso ficar à parte.

Ontem eu fiquei meio atônito com o movimento, tive dois cancelamentos em cima da hora de pacientes e não dei tanta atenção às merdas.

Mas preciso ser honesto: eu não sabia bem o que fazer. E, de fato, eu teria apenas uma hora pra fazer algo. Então, não sei se adiantaria fazer alguma coisa.

O foda é que eu vendi a merda de uma PUT de manhã e essa caralha de tarde virou no giraia. Puta que pariu, né?

O que o mestre fala é verdade: quando vc faz um negócio e dá uma merda dessa, vc fica todo errado. Eu vou parar de operar de manhã nessa bosta.

De repente é a melhor coisa a fazer. Quando vc opera de manhã vc não tem uma definição. E esse aprendizado eu preciso fazer.

A não ser que eu tenha planejado alguma coisa, esteja esperando a queda, do tipo irei fazer algo se subir ou cair, deixa o dia acontecer.

Esse caralho de bolsa fica nesse vai e vem e eu sei que o Bastter fala que essa merda é temporária, mas pra quem opera opções essa caralha ficar pra lá e pra cá é uma bosta.

Por outro lado, eu não sou DAy Trader, não deveria ficar me dando ao trabalho de ficar olhando estas alterações. Isso é sinal de que eu preciso melhorar meu operacional.

Essa porra variar é bom se eu tenho um direcional que eu entendo que é bom, fora isso, não tem porque ficar acompanhando como um louco. Só vai me deixar estressado.

De qualquer forma, entra naquela questão de saber qual o lucro que eu estou esperando, o que eu quero da operação, e ficar satisfeito com o ganho.

Porra, eu vendi por x e ganhei x%. Se subir e eu poderia ganhar x+y%, que pena, mas não está ao meu alcance saber esta merda.

MUDANÇAS RÁPIDAS FODEM QUALQUER RACIONAL

Importante estar atento ao seu racional e a quanto ele é "convexo"

Tem a porra de uma conversa entre alguns youtubers sobre ser “convexo” nas operações. Eu acho isso uma coisa idiota, já que ser convexo significa quase vc fazer um movimento que ganhe em duas pontas.

Se esta merda fosse possível, porque a quantidade de gente que opera na bolsa não ganharia sempre, o povo que é profissa, que sabe o que está fazendo?

Não faz sentido.

Ou seja, sua operação tem que ter uma característica de ganho em faixas, aguentando as variações. Eu tenho feito isso e estabelecido isso com mais frequência quando eu faço os meus Strangles.

Porém, em casos como ontem, não tem muito o que fazer. E olha que a alteração foi dentro do meu range. Fiz operações com 10% de variação. Só com uma volatilidade monstra isso acontece. Ou seja, tudo protegido como deve ser.

Eu tenho pensado em como melhorar a operação, usando minha carteira, pra comprar mais carteira. Simples assim. Assim vou fazendo mais operações de venda coberta, mesmo que o ganho não seja absurdo. E nem é o objetivo que seja algo fora da casinha.

Fato é que não adianta chorar sobre o leite derramado. Eu sou um cara que tem um gosto especial por operações envolvendo PUT. Então, vamos lidar com isso da melhor maneira possível.

Bom, recuperar a sanidade depois de uma queda dessas e ver que há uma certa acomodação do mercado me dá um certo grau de tempo pra pensar e usar isso ao meu favor.

Por exemplo, eu tenho uma put de PETR4 do 27,71. Se essa porra ficar onde está agora, sem se movimentar muito, vai ser muito bom, porque ela vai ficar bem bonita na foto. Vai morrer na casca, posso só esperar a opção morrer seca.

Lembrando que do mesmo jeito que esta merda caiu loucamente, pode subir num tiro.

MOVIMENTAÇÕES NA BOLSA SÃO TÃO NORMAIS QUANTO ONDAS NO MAR

Meu desejo é aprender a ser um baita surfista

Quando vc tem movimentações na bolsa, independentemente da magnitude, precisa ser capaz de olhar pra isso de uma forma relativa, entendendo que, no longo prazo, isso faz parte do processo. Curto prazo vc precisa especular o suficiente para se sentir seguro das operações.

Nem sempre vamos conseguir fazer as coisas darem certo exatamente do jeito que queremos. Mesmo que isso traga sofrimento, aceitar isso é aceitar as coisas como elas efetivamente são.

Não há muita mudança na nossa vida se aceitarmos que isso é verdade. Aumentamos nossa capacidade de lidar com esses solavancos e tornamos nossa casca de operador melhor.

Eu sou um cara que opera opções, por enquanto, até achar outra coisa melhor pra fazer. E já que eu escolhi fazer isso, preciso ser capaz de entender o quanto é bom fazer movimentos dessa natureza na vida, inclusive.

A vida, no longo prazo, vai dar certo, mas é preciso sair vivo das alterações de curto prazo.

Mês passado talvez tenha sido mês que eu mais me fodi. Esse mês eu posso tentar fazer diferente, não me foder tanto.

Pode ser que sim e pode ser que não. mas a tentativa é válida.

Saber o que fazer é importante pra cacete nessa hora. Fazer tentativas válidas, recuperar a consciência e a sanidade, não ir para o desespero, é uma característica extremamente válida nesse tipo de operação.

Eu posso não fazer operações de manhã por não querer me foder com as variações no período da tarde, mas não tenho como ser adivinho. Mas posso colocar um valor que eu entenda que é bom nas operações.

Acho que isso vai fazer eu me sentir menos puto.

Em algum momento eu vou ganhar bem alguma coisa.

SATISFAÇÃO COM SEUS GANHOS TE FAZ UM OPERADOR MELHOR

Não tente ganhar tudo que pode. Ganhe o que te deixa

Eu acabei de ganhar 14x a mais o preço de uma operação que eu fiz em THL. Claro que vou pagar um imposto nojento por causa disso, mas faz parte. Só paga imposto quem ganha.

Aliás, tenho que pagar as DARF lá.

Enfim, essa lição de gostar do que vc faz e gostar do que vc ganha, mesmo que não seja raspar o tacho da operação, te deixa mais tranquilo, mais satisfeito. É uma questão de ter metas e estar atento à elas.

Não quer dizer que vc não possa ganhar mais, mas se chegar na meta que vc estabeleceu, já é uma coisa muito legal. Até porque, nesse mercado, é mais provável a instabilidade do que qualquer coisa.

Ah, Cara, mas esse ganho é muito pequeno perto do que vc perdeu. Sim, é sim, mas não do que eu perdi, mas do que eu deixei de ganhar.

mas eu não sou um caraio de um adivinho, no final das contas. E em VVAR3, por exemplo, está muito estranho essa proximidade toda dos strikes, nesse nível de diferença. Não entendi bem. Achei que poderia ter um ganho maior esse mês.

Além de tudo, teve queda.

Estranho…

Enfim, vamos tentando melhorar as operações por aqui, já que as mesmas dependem de um certo olhar quando vai chegando o final.

Vamos analisando. Qualquer novidade volto aqui com vcs e falo a respeito.

Valeu!

Essa porra parece até paranóia seletiva

Parece que a gente nunca espera o suficiente

Fala aí meus nobres amigos. Tudo bem com vcs? Acordamos em mais uma segunda tranquila, bonita, sem trabalho na parte da manhã, só começando no meio da tarde, o que me dá um conforto emocional bem bom. Mas o mercado faz a gente ficar muito puto.

Bom, vamos lá pra minha indignação. E de antemão quero dizer que não tenho o direito de ficá-lo, já que eu optei por essa situação ao fazer escolhas equivocadas, mas caralho, ajuda aí.

A impressão que eu tenho é que minha indignação é seletiva. Poderia ter dado certo minha estratégia. E, de fato, ela não está errada de acordo com minhas análises. Mas estou deixando de ganhar mais por causa desconhecida.

Para mim, quero dizer.

Enfim, eu tenho uma THL que paguei barato e que vou colher os frutos se PETR4 continuar nas alturas. Poderia ter feito mais, mas achei que seria ousado demais para um pequeno ter muitas opções assim.

Claro que com cobertura vc tem uma certa dose de segurança. Mas quem tem C* tem medo.

Enfim, Eu resolvi fazer uma venda fracionada na rolagem, na esperança que pudesse ganhar mais com uma suposta desvalorização de PETR4 que chegou, adivinha, agora, depois que eu vendi. Fiquei esperando até semana passada essa caralha cair e nada.

Deixa eu te falar uma coisa fora do assunto: se vc se incomoda com palavrões, não fica nessa página não. Eu falo deliberadamente palavrão pra cacete, é o meu jeito. Não é por mal, não quero ofender ninguém, mas não paro de xingar nem quando tento. Minha natureza.

Uma das grandes vantagens de um blog pessoal é que vc faz o que vc quiser. Então, leitor sensível, eu sou igual ao professor Clóvis de Barros, eu não seria eu se não descesse o caralho aqui. Então, vai com caralho mesmo.

Mas enfim, esse dia chegou e PETR4 está caindo loucamente, a filha da puta. Eu até acho que esse movimento é temporário, mas emputece qualquer serumano normal.

Mas, apesar disso, eu tinha algumas cartas na manga e acabei de usar.

VENDAS DE PUT PRA MELHORAR A CARTEIRA

Vc precisa ter uma

Eu não posso ficar exagerando nisso, mas eu tenho algumas estratégias justamente para esses momentos em que a bolsa me sacaneia. E eu as usarei. E também porque eu tenho lastro pra segurar a onda se eu precisar.

E o que é isso? Eu faço uma operação dual, compensatória daquela que estou fazendo. Por exemplo, nas minhas THL eu estou com uma operação muito dentro do dinheiro. Quando eu vendo uma PUT mais perto, mais embaixo, eu posso até perder com a rolagem dessas PUT, mas automaticamente melhoro a rolagem das CALL, o que fica muito positivo pra essas operações.

Claro que não é muito salutar ficar vendendo PUT a torto e direito com um governo filho da puta como o nosso, mas entendo que é seguro se está dentro do que posso assumir.

Até fico meio tonto depois de ter tanta operação. O Mestre Su falou a respeito de não ter tantas operações pra não bagunçar teu coreto. Mas as minhas não são travas, são operações simples, de venda de PUT / CALL, não interferem diretamente umas nas outras.

A não ser algumas travas muito fora do dinheiro que eu estou fazendo agora, que se chamam Borboletas. Talvez um dia eu tenha paciência ou compartilhe com vcs. Mas eu não tenho todo o conhecimento pra ser didático, o que vai me fazer postar um vídeo do mestre, fazendo cometários a respeito depois.

Mas me dá uma raiva essa porra… tomar no urso.

Mas enfim, isso pode ser bom para outras operações que eu tenciono fazer, ainda que eu saiba que as oportunidades tendem a se fechar e abrir em períodos aleatórios.

Eu queria ter ganho mais. Só isso. Então, ficar puto é bobagem, não perdi absolutamente nada.

E acho que não vou. Se PETR4 cair até 27,70 eu vou ficar é feliz pra caralho. Vai zerar praticamente todas as minhas PUT e novo mês se reinicia.

Vamos ver. Provavelmente vcs me verão aqui de novo hoje.

Valeu

Não adianta planejar e não fazer o que planeja

Tomar decisão também é aprender

Uma das coisas mais difíceis na vida de uma pessoa, principalmente quando se trata de investimento, é fazer aquilo que planeja. Porra, vc pode saber que algumas coisas são boas, pode saber com trocentos estudos que aquilo é bom, mas quando vc vai lá apertar o enter o urso aperta e vc fica todo errado com medo.

E eu sou um cara que faz muito, ainda que faça muito menos do que eu planeje. E eu decidi que, finalmente, a técnica que mais se assemelha com o que eu acho que é um quadro amplo dos aprendizados que aprendi é o Strangle OTM (fora do dinheiro).

Ele tem todos os elementos que acredito que sejam importantes na estratégia com opções. É quase uma compilação de tudo que um investidor na Venda Coberta e na venda de PUT precisa fazer para ter uma boa capacidade de ganho.

Vc usa todos os cuidados que precisa ter para a venda coberta e todos os cuidados com a venda de PUT, acrescentando principalmente a ideia de hedge dual, em que vc sabe que uma das pernas necessariamente vai virar pó.

Dependendo do quanto vc abrir o strangle, as duas pernas podem virar pó, vc não vai precisar fazer rolagem e vai poder repetir indefinidamente a operação.

Claro que pode se foder com um cisne negro. Mas quem não vai se foder com um cisne negro, porra?

Se vc não fizer nada e ficar esperando vai ficar com um gosto de merda na boca quando descobrir que o que pensou é bom.

Vc também tem a mesma característica na venda do Short Straddle. O problema é que esse é na linha do dinheiro e meus testes já me mostraram que ele te dá um estresse demasiado. Não é a melhor saída.

O Strangle OTM, com cobertura, sempre, não é a única opção de investimentos. Eu mesmo invisto em borboletas e THL´s. Mas se vc pensar em termos de dividendo sintético, vc tem duas pontas boas.

Mas é óbvio que tem que ser feito com inteligência, com critério e com parcimônia. Não dá pra ganhar em todas e não dá pra achar que é perfeito. Mas é muito bom.

Por que essa estratégia é desejável para mim?

O momento atual me faz pensar que a segurança da carteira e o financeiro me dão essa estabilidade
Correndo risco, mas feliz

E por que é bom? Simples. Eu tenho uma carteira bem boa de ações que podem ser usadas para venda coberta. Também tenho a vontade de adquirir mais ações se for o caso, tenho o lastro necessário pra isso.

Ou seja, tenho tudo para fazer as operações e estava me escondendo até o momento, deixando para um momento futuro em que algo aconteceria, como uma crise institucional, onde tudo viria abaixo.

Se eu tenho a filosofia que está por trás dos meus investimentos mesmo aqui no investimento em opções, ela me deixa com a segurança de que estou fazendo bons investimentos.

O que eu preciso é o controle de risco. E isso estava me faltando. E como eu ainda não pensei a respeito, talvez agora eu aprenda a olhar pra isso com mais cuidado.

Além disso, o strangle coberto me dá uma tranquilidade enorme em termos de não colocar os pés pelas mãos. Se eu tiver que entregar as ações, serão entregues a preço muito maior do que paguei, porque pretendo colocar o limite mais alto da venda coberta em um limite que seja longe do que pode ser exercido.

A ideia não é ser exercido. Mas, se chegar em um nível que possa acontecer, fazer a rolagem, já que a distância vai te dar a tranquilidade de estar no jogo, sem estar muito dentro do dinheiro, como seria se estivesse no straddle.

O conceito do mestre dos derivativos, segundo a filosofia Bastter, é bobagem. Ele fala tão mal dos outros que, nessas horas, fico pensando que ele apenas confunde a cabeça das pessoas. Ele não entende o conceito e quer cagar verdades. Isso me afasta dele.

Mas, se não fosse ele, não teria contato com essa estratégia, que é muito boa.

Já valeu o aprendizado que tive com o curso dele, que nem tenho assistido mais.

O curso é bom. Ótimo até. Mas eu quero ter tempo pra fazer outras coisas. E o nível de empenho no curso dele tem que ser animal.

Pra quem é da área vale a pena. Pra mim, não sei. Até acho que posso aproveitar mais, mas não quero pagar 2k de novo. Chega.

Para o meu nível de aprendizado estou bem satisfeito.

Aumentei muito meu conhecimento generalizado. Agradeço demais ao mestre.

Por enquanto, vamos aproveitando, mas não vou voltar a assinar. Uma pena, mas é a vida. Seguir uma filosofia mais simples é o que eu quero.

E o Strangle é a estratégia mais tranquila que posso olhar no momento.

O QUE É UM STRANGLE OTM COBERTO AFINAL

É fazer venda coberta e venda de put ao mesmo tempo usando teoria da binarização
Fala pra gente, fala

Apesar da linguagem difícil, de se dar um nome para essa operação, ela consiste basicamente em você fazer uma venda coberta longe do valor atual da ação e fazer uma venda de PUT também longe da venda, tendo a esperança aumentada de que ambas virarão pó.

E por que é que essa esperança existe? Fato é que é CERTEZA, apesar de no mundo dos investimentos essa palavra ser perigosa, que uma das duas pontas virar pó. Não dá pra vc ser exercido na PUT e na CALL ao mesmo tempo no vencimento.

E, dependendo da distância que vc o faça, aumenta muito a chance de vencer nas duas pontas, já que ambas vão virar pó.

Daqui a pouco eu vou postar aqui as operações que pretendo fazer e vcs irão entender com mais clareza. Mas dá pra dizer que o quanto a ação precisa se mexer pra vc perder é de probabilidade muito baixa.

Em algumas das operações vou usar o Delta 16, conforme ensinado pelo cara que nunca lembro o nome, como a mais segura.

Claro, não existe segurança total em nenhuma operação, mas eu estou usando um conceito que o Bastter usa muito: probabilidade.

Vc precisa aumentar a probabilidade de vitória. E essa estratégia tem essa característica, apenas mostrando que no mundo das opções há como ter um nível de segurança maior que a maioria das pessoas tem em operações comuns, principalmente quando vc investe em porcarias.

Segundo o Bastter as condições de mercado não são as melhores para fazer a venda coberta como remuneração de carteira. Eu infelizmente não cheguei a operar no tempo dele, em que talvez fosse mais fácil fazê-lo. Mas eu ainda acredito na possibilidade de ganhar com isso, desde que não seja algo mal feito.

Como eu tenho as ações para fazer a entrega em caso de explosão e tenho a grana para comprar em caso de queda fora do previsto, isso me dá um grau grande de segurança.

O problema dessas operações sempre está na alavancagem.

Não pretendo, pelo menos não em um primeiro momento, exagerar no que estou fazendo. Até porque eu detesto perder. Até mais gosto de não perder do que ganhar. Então não vou fazer merda.

Outro bom motivo é que eu penso tanto antes de fazer alguma coisa, faço pequenos testes, vejo o que funciona e o que não, que eu sei que é bom fazer sem dúvida.

A parte que não é boa não é controlável. E é aí que entra o risco.

Mas, então, e se der ruim ?

QUAL A PARTE POSSÍVEL DE CONTROLE NESSA OPERAÇÃO?

saber o que fazer para se defender é uma forma de controlar
Controle o que é possível

Quando vc entra em uma operação de derivativos tem que saber que a parte que vc controla é muito pequena e depende de um nível de conhecimento e atenção que está além do que vc está acostumado a passar no dia a dia.

Mas, ao saber disso, vc precisa ter a consciência e o conhecimento do que está ao seu alcance.

E a tranquilidade de empregar quando for o caso.

Para essa operação, temos várias formas de controle, que já começam na montagem:

  1. Pelo menos 10% longe do strike ATM, se vc não quer ser exercido com facilidade, tanto pra cima quanto pra baixo;
  2. Conhecimento de encerramento da operação e rolagem quando ela se torna mais perigosa do que o desejável;
  3. Análise da quantidade de dias para o encerramento da operação para avaliar se vale a pena continuar nela ou não;
  4. Estratégias de hedge caso não haja realmente maneira de vencer a operação;
  5. Não esperar que a opção faça uma volta e exploda para o outro lado quando vc poderia ter ganho a operação;
  6. Alvo de lucro, ainda que meu alvo, ao montar desse jeito, seja 100%, já que ela já está em um nível baixo de ganho na montagem; mas, se vc está com quase esse ganho, saia. Não corra risco desnecessário;
  7. Deixe o dinheiro na conta para o exercício. Algumas dessas operações visam ser exercido para aumentar a carteira de ações, dentro da filosofia Bastter;
  8. Só seja exercido se escolher sê-lo;
  9. Nunca entregue suas ações sem luta;
  10. Saiba que não vai ganhar sempre. Em algum momento vai ter que entregar suas ações. Na sequência já faça a operação ao contrário, para reavê-las, a preço mais baixo;
  11. Lembre que todo dia tem mercado. Não precisa pressa;
  12. Deixe seu dinheiro na renda fixa, mas não como garantia. Pode ser que vc precise com relativa pressa e tirar da garantia pode ser um processo burocrático. Não se enrole;
  13. Aceite que mesmo com todo planejamento há situações que vc vai se foder, de forma relativa. Aceite e bola pra frente.

Ter todos esses controles não significa que vc vai ganhar todas. Mas como bem disse o Bastter, no mercado financeiro vc precisa aumentar as chances a seu favor.

E, se tudo der errado, vc é exercido, triste, mas tem a grana, no caso da CALL ou compra ações, no caso da PUT. E tudo bem. Continua, barco que segue.

Não há estratégia 100%. Mas existe 89%. Já é o suficiente.

Vamos ao que pretendo fazer amanhã.

ESTRATÉGIAS DE AQUISIÇÃO

Estratégias em que ser exercido é o objetivo principal
Bora para as compras

Bom, ainda que eu tenha feito todo esse discurso anterior sobre segurança, nesse caso específico que vou falar pra vcs aqui, a margem de segurança não serve como referência. Eu tenho uma carteira de ações e um controle muito bem feito, no Bastter System, o que me diz o que eu tenho que comprar.

Com isso, eu tenho que fazer a aquisição mensal de algumas ações para equilibrar a carteira. Pra isso, vc precisa, com todo dinheiro novo mensal que entrar, fazer esse processo de aquisição. E faz tempo que não faço aquisição de ações novas.

Como meu racional envolve opções, também quero poder fazer essa aquisição com o uso da ferramenta.

Nesse caso, não haverá segurança para não ser exercido na PUT, já que a ideia é ser exercido.

A única diferença aqui é onde eu quero fazer a operação. Hoje a corretagem da Easynvest me faz ficar inclinado a ir pro lado dela. Será uma operação de pelo menos duas pernas, que na NECTON implica em duas corretagens. Valor baixo, mas somando tudo que quero fazer, pode ficar inviável em algum momento.

Fazer 10 operações de duas pernas cada são 30 pila por mês, o que já mexe com o lucro.

Algumas ações não vai ter jeito, mas porque não fazer na easynvest, se não preciso de tanta mobilidade quanto numa operação estruturada.

Na Easy as ferramentas são caras. Na NECTON são grátis, mas o preço pago em corretagem compensa.

Então a decisão é pela Easynvest com essas opções em especial.

Futuramente, inclusive, pretendo fazer um balanceamento de ações. Ter as mesmas ações em corretoras diferentes dificulta um pouco o controle. E quero balancear essas coisinhas.

Vamos lá:

QuantidadeOpçãoStrikeGanho %Ganho $
300ODPVT13012,83,820,49
300  GRNDT100 10,025,19 0,55 
     

Pelos critérios do Bastter System, essas duas ações são as que estão em maior defasagem lá no site do Bastter. E com faz tempo que eu não compro nenhuma ação, acho que é justo que eu gaste uma quantidade de dinheiro maior para fazer a aquisição, sem me preocupar com a quantidade de dinheiro que eu tiro da garantia.

Entendo que isso vai balancear o controle lá.

Na verdade, preciso admitir que não está bem em dia o controle do Bastter system. Em ações até acho que está, mas em termos de FII´s não está muito não.

E está também dentro da minha meta de investimento fazer o investimento em FII quando for mandado. Mas, por enquanto, vamos fazer nas ações.

Seria bom se tivesse opções de FII. Faria esse mesmo movimento. Mas não tem problema, será feito de qualquer maneira.

No próximo post já iniciarei com as outras estratégias.

CONCLUINDO DEPOIS DE FALAR TANTO

A coisa mais importante é a tomada de decisão, não a decisão em si

Essa é um dos meus racionais, que bate com a filosofia Bastter, associada com a operação com opções. O Bastter parou de fazer VC e de lidar com as ferramentas no site dele mas, felizmente, existem muitas outras formas de fazê-lo.

Com o tempo muitas ferramentas muito boas, grátis, tão boas quanto do site do Bastter, estão disponíveis. Usei durante bastante tempo as ferramentas do Bastter e se estivessem disponíveis eu continuaria usando.

Vida que segue. O conceito de Vdx eu preciso estudar mais e ainda consigo encontrar vídeos disso. Então, go school !!!

Eu realmente acredito que tomar decisões é melhor do que fazer a decisão acontecer. Esta última é natural após a tomada. Escolher, depois de pensar tanto, é que é o problema.

Amanhã vamos ver se dá certo.

Hoje ou o mais cedo que eu puder eu continuo com as outras operações que são mais especulativas e que tem como objetivo ganhar a taxa mais do que comprar as ações com o exercício.

Aguardem cenas dos próximos capítulos.

Valeu!

Acreditar e testar são parte da mesma estratégia de ser alguém melhor

Acreditando no meu racional de investimentos

Boa noite, galera. Final de domingo, deveria estar chateado com a derrota do flamengo para o florminense, mas faz parte. Fiquei puto, mas isso é uma parte da vida de diversão. A vida nossa de cada dia, nossa construção de conhecimento e de aprendizado, além da nossa carteira, depende um pouco mais do que isso.

Eu tenho feito vários estudos, escutado muitas pessoas, mas, no fim, o racional do Bastter sempre me deixa mais seguro para o longo prazo.

Não sou radical igual aos xiitas do site, que respeito e até concordo com algumas coisas. Claro que há uma maneira rígida de seguir os ensinamentos dele. E, claro, tenho um imenso respeito pelo Bastter. Foi por ele que melhorei minha vida em muitos aspectos. Mas eu quero mais e entendo que vale a pena mais.

Exatamente como o Mille pensa. Os modinhas do site, se vissem o que o Mille faz e ensina, não ficariam tão radicais.

Mas, sendo um dos mais antigos do site e tendo sendo criado à luz da filosofia, posso dizer que a sigo parcialmente, correndo os riscos que entendo que valem a pena.

Lembra do que ele fala de capital alocado a risco? Pois bem, é o que eu faço e quero fazer. Ponto. não preciso que alguém me diga o que preciso fazer.

Religião cada um tem a sua. E seja feliz.

Eu preciso construir esse racional com um direcional, com uma maneira minha de pensar. E venho a construindo ao longo dos anos e entendo que estou chegando em uma conclusão minha, que é válida, apesar de não ser exatamente igual à dele.

Cada um na sua.

Por isso, decidi expor o que eu pretendo fazer amanhã, em termos de investimento e risco, e que pretendo que seja radicalmente minha forma de fazer meus investimentos irem em frente. É uma mescla de Bastter System com opções e, até onde eu sei, será como eu pretendo seguir minha carreira dentro de investimentos.

Como por enquanto isso será a maneira como pretendo atuar, podendo mudar futuramente, se perceber que não é o melhor jeito.

Quais são os riscos desse racional?

HÁ RISCOS EM QUALQUER TIPO DE RACIONAL DE INVESTIMENTOS

Não quer risco vai pra poupança - risco controlado
Vida sem riscos é quase uma não vida

Quando vc sai da poupança você já está em vias de enfrentar um risco alto, já que o risco associado a ela é praticamente nulo – ainda que não seja zero. Vide planos do Governo Collor e outros. Mas, de fato, não há um risco evidente em deixar o dinheiro lá por anos.

Segundo o Bastter, que é um piadista, se vc é um péssimo investidor, a poupança é um ótimo investimento. É melhor deixar o dinheiro lá e trabalhar bastante para guardar do que ficar fazendo merda na bolsa.

Segundo ele o Serumano na bolsa só compra no topo e vende no fundo. Eu acho que este tipo de Serumano está mais difícil de achar, ainda que eu veja que pode ser o caso em muitos casos. Mas alguém que tem o mínimo de inteligência não faz isso.

Parei um pouco pra pensar e cheguei à conclusão que não posso medir a maioria das pessoas por mim. Como estou a muito tempo nessa praia eu já estou em um nível que não dá pra comparar com quem começa.

Não é me achar, mas é o nível de estudo que se tem e o tempo envolvido. Não quer dizer que não tenha feito merda na vida. Fiz, e não foram poucas. Mas hoje eu sei como fazer um pouco melhor e não dar tão mole assim.

Porém, de fato, estou em vias de fazer algo parecido, por ter assumido uma merda que fiz, não por ser burro. Eu preciso admitir que dei mole ao longo do tempo por não ter feito algo que eu sabia que era bom.

E estou falando em ABEV3. Ela não será o foco da nossa conversa, mas será o foco de outras, que sei que precisarei falar, para o bem dos meus futuros leitores. Eu não sou infalível e nem o cara. Eu acerto mais que erro, mas a merda que fiz em ABEV3 foi mais em função de uma falta de planejamento que pretendo consertar com esse post como um norte.

E, de novo, não significa que não farei merda.

Farei apostas. E não será em BITCOIN, nem COE, nem qualquer merda do tipo. Inclusive, futuramente pretendo começar a fazer investimentos nos EUA, não sei como e não sei por que, mas farei. Ainda que eu entenda que vai dar merda lá em algum momento.

Será pequeno o investimento, mas eu sei que já passou da hora de fazê-lo. E se eu estabelecer a forma de fazer, eu sei que o farei com uma frequência que considero interessante. E, ao longo do tempo, valerá a pena.

O risco que estará envolvido aqui será que eu coloque mais dinheiro na mesa do que tenho capacidade de pagar, em caso de desastre. Então, com esse pensamento, estou evitando a maior parte dos desastres que podem acontecer na bolsa.

E como pretendo fazer isso? Com o uso da história, com o uso da análise do que acontece no passado, projetando um futuro possível. Afinal, analisar a história faz com que o futuro fique melhor.

Eu tenho a mania de paralisar por causa da história, na maior parte do tempo. Está na hora de usar ela a meu favor, entendendo que eu posso fazer isso sem correr risco demasiado.

Vamos ver se isso é possível. Planejei durante muito tempo isso e pretendo colocar, aqui, mais pra mim do que pra vcs, quais são os riscos envolvidos no que eu venho pensando.

Para isso, eu preciso passar pra vcs qual é o meu racional de investimentos. E, claro, não é um racional profissional, montadinho, fácil de fazer. É um recorte da minha mente desorganizada, porém com uma direção clara, que entendo que será a melhor maneira de lidar com o que pode vir pra frente.

E, não tenha dúvida, não tem a mínima intenção de me levar à ruina. Longe disso. O maior risco será ter que comprar ações boas.

Qual será, então, o meu racional de investimentos?

PREMISSAS QUE TE LEVAM A UM CAMINHO LIMPO

Verdades comprovadamente produzidas

Quando vc está começando a investir, principalmente agora com o advento gritante da internet, vc tem todo tipo de “influenciador” te dizendo o que fazer. E isso não é ruim. Acho que uma das coisas piores que tem quando vc quer investir, tem vontade, tem dinheiro, é não ter uma direção, uma certeza do que fazer.

As incertezas são muitas. Tem muita coisa no mundo tentando tirar o seu dinheiro.

Eu mesmo tive, ao longo do tempo, que fugir. Principalmente de gerente de banco querendo meter a mão no meu dinheiro.

Os caras tem metas. Eu mesmo dependo de bancos que fazem isso com as pessoas. Quero crer que eles não são ruins para as pessoas. E as pessoas querem que alguém faça o serviço pra elas. Mas é inegável que quando a pessoa quer te vender uma capitalização ela quer te enganar.

É até melhor jogar dinheiro fora comprando opções do que fazer isso. Nas opções vc tem chance de ganhar pelo menos.

Eu estudei muito e segui algumas premissas que são excelentes do ponto de vista de melhoras na sua vida financeira.

Algumas pessoas não querem segui-las. São difíceis. São chatas. Não tem emoção. Geram dor, geram restrição. Mas foram elas que me fizeram chegar onde estou hoje. E sei que, comparando com o que comecei, não há comparação.

Quando vc fala a respeito delas as pessoas até dão um baque, porque elas são necessárias e não contemplam negociação. Ou vc faz ou vai se foder. Não tem meio termo.

Na psicologia nós falamos que se a pessoa não quer renunciar ao que as fez ficar doentes não adianta fazer terapia. É como tomar um remédio pra dor quando vc não quer parar de se machucar. Simples assim.

Acabou de me ocorrer algo importante, ainda que eu esteja animado com o texto:

To achando que esse texto vai ficar longo demais. Ele é filosófico e denso. E a minha intenção inicial era só colocar o que vou fazer amanhã em termos de operações de opções. Mas vou indo, até entender que estou perdendo tempo.

Continuando, premissas de crescimento financeiro em nada se diferem de premissas de crescimento pessoal. Vc tem que passar por sofrimento, porque vai ter que largar quem vc era e que tinha uma razão de estar daquele jeito e se empenhar em ser uma pessoa melhor. Isso, por si só, acrescenta uma dificuldade adicional à elas.

Mas são essencialmente necessárias para que você finalmente entenda qual é a direção que vc precisa tomar para fazer a diferença que entende ser necessária para seu mundo.

Vamos, então, a elas.

Você não pode investir com dívidas

I

Quando você está começando a investir pensa que isso vai te salvar dos problemas do futuro. Esse tipo de pensamento é muito válido, mas é incompleto. É mais ou menos como vc querer economizar água na pia com o ralo aberto. Não vai dar.

E, a não ser que a quantidade de água que entre seja muito grande, o saldo sempre será negativo e vc vai perder ao longo do tempo.

Vc pode até dizer que irá perder muito tempo pagando suas dívidas e que se esperar poderá ser tarde demais. Mas se vc não parar de jogar seu dinheiro fora não adianta vc guardar nada. Inevitavelmente vc irá jogar todas as suas economias no lixo.

Eu mesmo, antes de começar a levar a sério o que eu tenho hoje, fazia poupanças que logo logo viravam pagamentos de dívidas para fazer novas dívidas.

Quase uma merda de moto contínuo.

Vc não percebe a merda que isso é até que vc veja com seus próprios olhos.

Isso não quer dizer que toda dívida seja ruim. Muitas vezes, quando vc faz uma dívida porque está dentro de um investimento em seu negócio, como eu tive que fazer a 3 anos atrás (e sou imensamente feliz por tê-las feito hoje, mas na época, ficava resmungando no meu outro blog), é a diferença entre vc ser uma pessoa que ganha bem ou mal no seu empreendimento.

Valeu muito a pena. Mas no começo me assustou muito.

Fora isso, não faz o menor sentido.

Portanto, pague suas dívidas antes de fazer qualquer investimento.

SAIBA ONDE VAI SEU DINHEIRO

Esse pequeno esforço fará toda diferença

Força sem controle não é nada. Vc precisa saber o que está fazendo, pra onde está indo, a fim de fazer diferença na sua própria vida. Deixar a vida te levar não é a melhor maneira de melhorar sua vida.

Claro que vc não precisa ser rígida em excesso. Mas conhecer para poder escolher é essencial. Quem não consegue escolher para onde quer ir e o que fazer não é livre. É só alguém que responde ao que acontece e não escolhe para que direção pretende ir.

Quando vc sabe o que quer e o que está facilitando e dificultando sua escolha vc pode fazer a escolha mais absoluta de todas: mudar. Antes disso, não.

Então, crie uma forma de saber onde vai seu dinheiro, onde vc joga dinheiro fora, onde vc gasta bem e vá ajustando.

Isso leva tempo, nem sempre é muito fácil de perceber, mas é válido. Ao longo do tempo vc vai ver que vai te fazer ganhar tempo.

Tem uma frase que não sei de quem é mas que faz muito sentido pra mim que ilustra isso que estou dizendo:

Perca tempo afiando o machado que cortar as árvores será muito mais fácil.

Tirando o óbvio problema ambiental, vc precisa planejar bem. A execução se torna muito mais fácil.

Vc está dizendo que eu preciso parar de comprar meu cafezinho e coisas do tipo? Claro que não, porra. Isso só pessoas imbecis ensinam pra vc. Se vc não puder ter prazer das coisas que faz e dos benefícios do seu esforço no curto prazo, não vai fazer nada.

Mas provavelmente vc está exagerando em alguma coisa e apenas a visão do que é vai te fazer mudar.

Nem sempre querermos mudar. Nem sempre queremos olhar pra isso de uma forma realista. Vamos achar motivos pra continuar fazendo o que sempre fizemos. Tudo bem, mas não reclame depois que ver o problema e não quiser resolver.

Não invista naquilo que você não conhece

Monte uma forma de pensar a respeito do que vai investir

Muita gente quando começa no mundo de investimentos, mesmo tendo um dinheirinho na poupança ou na renda fixa, pensa que vale a pena ficar investindo em coisas que não vale a pena porque veem o dinheiro aumentar no curto prazo.

Isso é um desastre no longo prazo, se a pessoa não conseguir perceber que ganhar em coisas ruins, de forma errada, foi apenas sorte de principiante.

E, infelizmente, o que acontece é que a maioria das pessoas tem histórias pra contar do quanto a bolsa é cassino, do quanto essa porra não vale a pena, que é furada, coisas do tipo.

Uma das histórias que eu escutei é de um amigo que comprou PETR4 quando estava 50 reais, um valor alto, de uma só vez, e só foi olhar quando estava 5 pila. Claro que falou que é furada. Eu não quis, na época, discutir e explicar, por mais que eu tivesse vontade de fazê-lo.

Eu teria um trabalho grande pra mostrar que a pessoa fez merda e ela ainda ia ficar puta comigo. Optei por deixar quieto.

Não vou aqui me estender sobre Buy and Hold, valuation, dividendos e coisas do tipo, básicas e importantes do mundo de investimentos. Mas vou dizer que se vc não sabe o que está fazendo, porra, não faça.

Ou, se fizer, aceite que o resultado está em confiar em quem te indicou esse ou aquele investimento e, se vc perder, o problema é seu, porra. Ninguém mandou fazer merda e seguir conselho de quem tem uma maneira de pensar que é própria.

Eu demorei anos antes de começar a comprar ações e mesmo assim fiz merda ao longo do caminho. É um caminho que vc precisa aprender muito, saber muito, Se dedicar o suficiente para entender qual é o funcionamento do investimento que está fazendo.

Ficar reclamando depois com o especialista, com o analista, com a CVM não adianta.

Saiba o que está fazendo e vá testando ao longo do tempo.

Vai fazer muita diferença.

EU ACERTEI MAIS QUE ERREI AO LONGO DO CAMINHO

Saber isso me dá muita satisfação

A maior constatação que vc pode ter ao longo do caminho diz respeito se vc acertou ou errou. E essa eu tenho certeza: mais acertei que errei.

E por que eu tenho essa constatação? Pelo resultado. Muita gente sofre ao longo do caminho, dizendo que teria que ter mais, que poderia ter feito mais, que isso que aquilo. Mas, no fim, o processo não interessa muito se vc constantemente acerta.

Dá pra confiar em vc.

E eu posso olhar pra mim e dizer que estou indo bem. Não tão bem quanto alguns, mas tenho seguido uma linha de raciocínio que tem me dado a certeza do bom caminho.

Gostaria de ter feito diferente em outros momentos? Claro. Mas quando vc está empenhado e tendo seguido todas as premissas que falei acima, o resultado aparece, inevitavelmente.

Vc pode e deve melhorar as premissas ao longo do caminho, ainda mais aquelas ligadas diretametne ao ponto em que vc aperta o enter. Isso é inegável. Quanto mais conhecimento, mais vc se sente preparado pra arriscar.

No próximo post irei falar sobre os riscos que pretendo começar a correr para melhorar minha carteira ainda mais.

Não tem nada demais. Não tem aventuras. Não tem ruína. Apenas mudanças que entendo que são importantes e que eu já pensei e acho que estou pronto pra colocá-las na mesa. Se der merda, eu volto pra mesa e reescrevo tudo.

Vamos ver se dá certo.

Valeu!!!

Fazer escolhas é o negócio mais difícil do mundo

Quando os critérios colidem, qual melhor decisão?

Caros amigos, boa noite. Cá estou eu, aqui, no meu sábado à noite estudando opções. Não que eu seja um workaholic, ou que eu não tenha mais nada a fazer, até tenho e até já fiz, mas eu me interesso demais por esse dilema e, depois de tanto estudo. ele continua me agoniando.

Estava vendo vários vídeos a respeito, várias pessoas que fazem suas operações em opções e muitas delas deixam um cara que já tem alguma experiência mas se considera um iniciante bolado.

E eu acho que o entendimento desse dilema, a tomada de decisão, em si, é melhor do que o estudo. Apesar disso, acho importante ter esse problema analisado de uma forma que seja bem elucidado e bem escolhido.

Eu me conheço e sei que vou encher meu saco se fizer uma escolha “errada”, ainda que eu saiba q1ue não há escolha errada em fazer uma escolha.

Saber o que é certo e errado em opções é o mesmo que saber qual é o futuro. Isso não está ao alcance de ninguém.

Mas não quer dizer que eu vá me culpar pelos pensamentos: vc sabia que ia dar errado e coisas do tipo, que ainda faço quando erro.

Quero encontrar um método que seja bom como a THL. O problema é que justamente a THL gera um problema grande nessas minhas operações, já que ela me dá a falsa impressão que tudo é “rolável”, ou seja, qualquer escolha é possível de ser feita.

Não é bem assim.

Estou sofrendo atualmente com as minhas CALL, que esse mês uma delas consegui subir 0,25, o que deve me dar uma rolagem melhor no próximo exercício.

Pelo menos acho. Não vou ficar pagando e ficando sem ganhar nada pra subir sem ter uma contrapartida. Vamos ver se ela vale a pena.

Com uma que está um pouco acima até que rolou um esquema bom. Deu 0,30, o que é um valor aceitável de rolagem, principalmente porque paga e sobra um pouquinho o que eu paguei nela, que foi 0,20.

Não é pouco, são 50% a mais, mas dá uma impressão ruim, não dá? Acho que em alguns meses talvez eu consiga fazer alguma coisa pra fazer essa porra dar certo, mas por enquanto vai ter que ser assim.

A outra, que subi o strike, não pagaria o valor dela, mas chegaria bem perto. Se deixasse, a minha outra ia pagar 0,10, desastre certo.

Mas vamos lá. Essas reflexões entrarão no texto, acho. Mas a principal diz respeito às PUT que pretendo vender de PETR4 de qualquer outra ação, mas que faz sentido pra mim.

Dilemas de quem faz operações com opções

Algum dia não terei dilemas nisso?

Não tem como saber qual é a melhor opção quando vc tem várias maneiras de ver o mesmo assunto? Não é possível fazer uma análise desse fenômeno? Tudo tem que ter um certo ou errado? São perguntas foda e são o eterno dilema de quem faz operações com opções.

Algumas escolas falam em segurança, quanto mais longe vc estiver do strike atual da ação é a melhor opção pra vc ganhar dinheiro com segurança, mesmo que a ação caia.

Alguns falam no Delta 30 como um local particularmente seguro para se fazer as operações, com a melhor relação custo x benefício.

Vários estudos apontam pra esse valor e eu entendo, também, que ele é realmente ótimo, dentro de uma operação com pouca volatilidade. Pouquíssimas operações de ações caem tanto de um exercício para o outro.

A não ser em caso de cisne negro ou Bolsonaro, como aconteceu com a PETR4. Mas ela volta pro 29 em algum momento.

Supostamente é um bom lugar pra ela estar, nesse preço. Não sou o cara que analisa o preço justo como alguns especialistas o fazer, então, é o que eu penso a respeito. E não acho que a análise para ações como a PETR4 seja a mesma que devemos fazer para opções.

Mas enfim, delta 30 é um critério. Ok, dito isso, outros falam em delta 16, com 45 dias de distância, como melhor momento de fazer a venda. Hoje esse delta paga um valor bem interessante, 0,39 com relativa segurança, 11% de distância pro strike.

Ou seja, venda-se 1000 opções nesse strike que é muito difícil que caia até ele.

Aí é que é o problema. Para eu ganhar 400 reais eu preciso correr o risco de comprar 26k em ações, sendo que se eu usar o delta 30 eu ganho os mesmos 400, com muito menos alavancagem (metade).

Lembrando que qualquer uma dessas operações que eu fizer eu tenho margem pra fazer a compra. Claro que preferia não ter que usar, mas ela está pronta pra isso. Não faço nenhuma doideira com isso.

E, nesse caso, estamos falando de opções que estão com defesas bem boas, distância bem boa. É apenas o medo mesmo que está interferindo na possibilidade de fazer a operação.

Lembrando que as ações de PETR4 eu não tenho nessa corretora que pretendo fazer a operação. Será usado a garantia que eu tenho nas ações para fazê-la. Mas tá tranquilo, se precisar eu tenho como segurar a onda.

Qual é o problema de correr um pouco mais de risco?

QUAL SERIA O MAIOR RISCO DE EXERCÍCIO

Qual o problema relacionado ao exercício, nesse caso?

Bom, o Bastter falou hoje no vídeo dele lá pra corretora Ativa, que acho que nem existe mais, que sua filosofia de ganhos em opções era bem tranquila, remuneração de carteira mesmo, com o mínimo de risco possível.

E esse mínimo de risco possível implicaria em não ser exercido nunca, pois já que vc quer apenas remunerar, não faz sentido entregar as ações e recomprá-las.

Talvez faça diferença que, nessa época, o mercado de PUT não era tão aquecido como é agora. A liquidez em opções até mesmo longas é bem maior, melhorou pra caramba.

O que não quer dizer que ficará desse jeito para sempre.

Claro que se vc pensar em termos de possibilidade de dar errado, tudo pode dar errado, tudo pode voltar pra 2014 e virar uma merda sem tamanho.

Minha maneira de enxergar o Brasil no momento é tão volátil que a qualquer momento pode dar merda pro Bolsonaro. Ou ter uma revolução. Ou os dois.

Essa luta política dessa corja é tão suja que não tem como isso dar certo sem rebater em quem quer trabalhar e investir.

Por isso que investir em PUT é um negócio tão complicado.

Mas se fosse fácil não teria tanta possibilidade de ganho, afinal.

Mas enfim, eu estou trabalhando com o medo ou com a ganância, de fato? Onde eu quero chegar nesse ponto?

Olha, de fato eu não sei bem responder essa pergunta, mas desconfio que estou sendo um pouco ganancioso ou apressado nesse processo. Estou ganhando uma taxa altíssima no processo, colocando em risco 13k, São 2,74% de rendimento, com uma segurança relativa, que pode cair bastante mas que, se o fizer, vai ser bom para minhas operações de CALL em PETR4.

Devo admitir que, hoje, é melhor pra mim que não caia, mesmo que eu me foda nas minhas 1500 CALL de petr4 jogadas na THL. O meio do caminho seria bom pra caramba, dando 0,50 centavos em cada uma das rolagens.

Aí ficaria lindo. Ou não.

Mas aqui a questão é a escolha do strike. É a força de duas concepções que se chocam e que são muito coerentes entre si. Vc abaixa o strike, mas diminui sua possibilidade de ganho, mas ganha segurança. Mas, se quiser ganhar o que ganharia com um strike mais alto, dobra o risco.

A outra opção é a mais simples e a mais chatinha, mas não deixa de fazer todo o sentido. A análise tem que contar com a quantidade de dinheiro que vc quer deixar no risco pra fazer essa operação.

Talvez essa seja a melhor análise a ser feita, independentemente de qualquer outra: Quanto dinheiro quero ter empatado na operação x o risco que eu quero correr.

Isso sem contar a rolagem.

Esse é mais um elemento que eu preciso considerar e não pensei.

COM AS OUTRAS OPERAÇÕES TENHO UMA TEORIA QUE PRECISO TESTAR

Criei uma segurança baseada numa teoria própria

Eu vou voltar para os cálculos agora e amanhã eu volto pra concluir meu pensamento e minhas preocupações. Mas eu preciso terminar esse texto dizendo que eu tenho feito várias operações em várias ações que tenho e que vou aumentar ainda mais isso, para usar a remuneração de ações a meu favor.

Claro que eu entendo que posso me “foder” fazendo isso, entendendo que me foder pode ser ter que comprar mais ações ou vender as que eu tenho, caso não seja possível me defender com as armas que temos, seja ela abraçando o prejuízo e recomprando a opção ou fazendo rolagens.

A ideia do mestre dos derivativos de que vale mais a pena fazer venda ATM pra evitar ficar ganhando pozinho não funcionou muito bem no stradle de bancos, então talvez valha a pena considerar isso nos meus cálculos.

E a rolagem fica bem mais fácil quando vc faz um movimento de vender distante, com uma segurança relativa, essas opções. O prejuízo acaba sendo muito forte pela falta de tempo de fazer alguma coisa.

Claro que eu dei sorte nesse mês e as ações de bancos caíram como se não houvesse amanhã. Claro que isso é uma jogada do governo, que isso depende muito de análise e que pode não dar nada errado.

Mas é inegável que vc tem muito mais chance de rolagem quando a porra da opção está longe, vc tem tempo, pode pensar, pode esperar pelo retorno, devido o vai e vem normal das opções.

ATM fode o barraco o tempo todo.

E eu estou pensando em vendas meio que normais, sem muito frufru, só pra rentabilizar a carteira mesmo.

E, apesar disso, eu pretendo recomprá-las se eu vendê-las muito longe no dinheiro, que tenha me dado lucro.

Por exemplo, em bancos, se eu tivesse vendido mais longe eu teria ganho bem mais na hora de fazer a rolagem, podendo a porra toda virar pó por causa disso.

Enfim, parece que eu descobri a roda.

O risco que eu quero correr é a chave pra essa análise. O quanto eu quero correr de risco, seja de alcançar o strike, seja de quanto eu tenho de dinheiro para honrar o compromisso que assumi.

Perguntinha difícil, mas que é lógica e objetiva. Não tem subjetividade envolvida nisso.

Vamos que vamos.

Valeu!!